O SISTEMA DE TRENS URBANOS DA SUPERVIA E SUA IMPORTÂNCIA PARA O DESLOCAMENTO DE PESSOAS

Flavio Isidoro Silva

Resumo


O presente artigo busca identificar como deve ocorrer a gestão do sistema de trens urbanos da Região Metropolitana do Rio de Janeiro (RMRJ), de responsabilidade da SuperVia, bem como enumerar a sua importância para a eficiência do sistema de transporte desta região. Para isso, é preciso que se leve em consideração alguns pontos fundamentais, tais como, otimizar o processo de sinalização, investir na aquisição de novas composições, além de perceber como deve se dar a relação entre concessionário, Estado e cliente, de modo a oferecer o melhor serviço final possível. Tendo em vista tal importância nos campos acadêmico e profissional, podemos dizer que este artigo pretende agregar valor aos estudos de gestão de transportes e à sociedade fluminense. Espera-se, portanto, demonstrar como funciona o serviço prestado pela SuperVia, concessionária responsável por operar o transporte ferroviário de passageiros na região citada. Para a realização deste estudo buscou-se uma investigação qualitativa ao trazer o que dita a literatura logística, além de um enfoque  quantitativo ao focar nos dados e nas informações da SuperVia.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

ISSN: 2317-5028

UNISUAM Publicações

www.unisuam.edu.br